Botox: O que é? Para que serve? Tem efeitos colaterais? Saiba!

0
380

Quem nunca quis se sentir mais nova, com a pele “no lugar” novamente, né? Para isso, uma das alternativas estéticas mais clássicas que logo vem à mente é o famoso botox. E mesmo tendo ouvido falar bastante nele, você sabe como o botox funciona de verdade?

Que tipo de benefícios oferece ou efeitos colaterais ele pode causar? Para não ficar nenhuma dúvida antes de querer aplicar, confira o textinho de hoje!

Botox

O que é botox?

Botox é um “apelido” para o nome da substância ativa toxina botulínica, a qual possui a função de paralisar determinada região onde for aplicada por um período médio de 6 meses.

A toxina botulínica é produzida de forma artificial e purificada pela mesma bactéria que causa o botulismo, a Clostridium botulinum.

Seu uso mais comum é o uso estético, o qual quando aplicado nos músculos ou glândulas, relaxa e impede a ação de impulsos nervosos, reduzindo contrações na região.

Para que serve a toxina botulínica?

Confira algumas das utilidades do botox:

  • Amenizar rugas e marcas de expressão.
  • Redução de sudorese;
  • Correção de estrabismo ocular;
  • Controle do blefaroespasmo (fechar olhos de forma descontrolada);
  • Controle do bruxismo;
  • Tratamento de tiques nervosos faciais;
  • Diminuição de dores de cabeça tensionais;
  • Tratamento de gagueira;
  • Tratamento dos tremores causados por Parkinson;
  • Tratamento de incontinência urinária; dentre outros.

Como funciona o botox?

Quando o botox é injetado numa área, ele atua como um bloqueador temporário causando o não recebimento de estímulos dos neurônios até esses músculos, o que impede de forma total ou parcial a contração da área.

Tem ação temporária, portanto exige reaplicações periódicas, pois os neurônios criam novas vias de contato com os músculos. O produto clínico vem em forma de pó, o qual deve ser diluído em soro fisiológico para ser injetado.

aplicação do botox

Benefícios do botox

O botox é mais conhecido pelas suas finalidades estéticas, no entanto ele serve para muitas soluções médicas, sendo muito útil no tratamento das mais diversas doenças e condições de saúde em que o relaxamento local muscular seja uma opção.

Para tais casos médicos, nem sempre é a única ou primeira solução indicada, sendo assim somente um médico pode dizer se é o melhor ou não para cada caso. Hospitais públicos e privados trabalham com esta solução.

Toxina botulínica e enxaqueca

Outro grande benefício médico da toxina botulínica é a grande melhora que pode trazer em casos de quem sofre com enxaqueca.

Esse tratamento é aprovado pela Anvisa e costuma amenizar os sintomas em mais de 80% dos casos de quem sofre com a cefaleia tensiva.

Tal tratamento também somente é feito por um médico e deve ser orientado sob o mesmo, pois não se pode abusar da substância, nem em quantidade nem por tempo de uso prolongado.

Regiões onde o botox pode ser aplicado

No caso de objetivos estéticos, o botox apresenta muitos resultados satisfatórios quando aplicado nas seguintes áreas:

  • Ao redor dos olhos, nos chamados “pés de galinha”, deixando a área mais plana e lisinha;
  • Espaço entre as sobrancelhas, evitando contrações excessivas em casos de expressões como concentração ou raiva;
  • Na cauda da sobrancelha, criando um efeito arqueado que ergue o olhar;
  • Linhas de expressão da testa;
  • Rugas do queixo;
  • Marcas verticais pelo pescoço; dentre outros casos sugeridos pelo médico, estéticos ou de saúde.

Aplicar botox dói?

Geralmente, a aplicação do botox é indolor, não necessitando nem mesmo anestesia prévia para as injeções.

Mesmo sendo um procedimento fácil e rápido, deve ser feito por especialistas, pois a aplicação deve ser feita da forma correta para os resultados serem os mais naturais e benéficos possíveis. Os profissionais capacitados são os dermatologistas e cirurgiões plásticos.

Efeitos colaterais do botox

Quase 100% dos casos em que ocorrem efeitos colaterais sistêmicos é por conta da aplicação inadequada, principalmente com relação à quantidade excessiva da substância.

No geral, os pacientes só costumam sentir desconforto na região da injeção na hora por conta da agulha, e até mesmo possíveis hematomas locais. Em casos de doses excessivas, o paciente tem grandes chances de perder a expressão do local, mas ainda assim é algo que se reverte com o tempo.

Antes e depois do botox

Confira a ação da toxina botulínica antes e depois em diferentes pacientes:

Diferença entre botox e ácido hialurônico

Enquanto que o botox tem o objetivo de fazer o relaxamento local muscular, o ácido hialurônico é um dos procedimentos indicados para preenchimento facial, ou seja, ele conserta determinadas regiões que sofreram perdas de volume, estrutura ou tonacidade com o passar do tempo.

São procedimentos parecidos, que visam atenuar rugas e linhas de expressão, mas que têm ação completamente diferente.

Quanto custa uma ampola de botox?

O botox é comercializado no mercado em forma de ampolas, o que influencia no preço final da aplicação. Em média, uma ampola com 100 U custa a partir de 600 reais.

Preço de aplicar botox

Considerando o valor da ampola mais custo de aplicação por parte do médico dermatologista ou cirurgião-plástico, a aplicação de botox custa em média R$ 1 mil reais, durando por volta de 6 meses.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here