Jato de plasma: Para que serve? Onde pode ser feito? Antes e depois!

0
1673

Com o avanço da idade, é normal que nosso organismo produza menos proteínas que influenciam na firmeza e viscosidade natural da pele, o que leva a uma maior incidência de rugas, linhas de expressão e flacidez.

Além da idade, ainda temos fatores externos que aceleram ainda mais essa oxidação, como por exemplo exposição solar e poluição.

Por isso, há todo momento, surgem novas técnicas de estética para nos beneficiar, como é o caso de um dos últimos métodos vindo da Europa para agradar as brasileiras chamado jato de plasma. Para saber mais sobre o assunto, é só seguir com a leitura!

Jato de plasma

O que é jato de plasma?

O jato de plasma é uma técnica inovadora do mercado estético que visa reduz a flacidez da pele.

Desde 2005, o método vem agradando pessoas por todo o mundo pelos seus incríveis, rápidos e duradouros resultados, resolvendo até alguns casos de flacidez que outros métodos conhecidos e muito mais comuns não conseguiam solucionar. Neste método usa-se um aparelho caracterizado por ser um gerador de plasma.

Para quem não sabe, o plasma é o quarto estado da matéria, em que os elétrons se separam dos átomos e isso produz um gás ionizado.

No procedimento, esse gás pode ser aplicado na pele através de despigmentadores elétricos, os quais influenciam no tipo de profundidade e raio de ação do jato de plasma; quando aquecido, chega na pele atingindo somente o estrato córneo da epiderme, ou seja, a camada mais externa, sem atingir as mais inferiores.

Para que serve o jato de plasma?

Quando o jato de plasma atinge a camada superficial da pele, produz uma espécie de dano termal que estimula a produção natural de proteínas na nossa pele. Esse calor causa um tipo de contração que reduz as fibras elásticas da pele e promove a reestruturação.

Sendo assim, jato de plasma serve para induzir o aumento na produção de colágeno, novas fibras elásticas, remoção de manchas provenientes de sol, preencher rugas e outras linhas de expressão superficiais da pele.

Além disso, em alguns casos, o jato de plasma também pode ser utilizado como um preparo da pele para receber peelings a laser, já que assim vai penetrar melhor.

Áreas onde pode ser aplicado

  • Áreas com sinais de idade;
  • Áreas com manchas de sol;
  • Áreas com verrugas filiformes e planas;
  • Partes do corpo com dermatose em geral;
  • Rugas e linhas de expressão;
  • Pálpebras flácidas;
  • Olheiras;
  • Áreas micropigmentadas;
  • Em tatuagens pequenas para clareamento;
  • Na face, como lifting;
  • No colo e pescoço, trazendo rejuvenescimento;
  • Na região da papada;
  • Em locais com cicatrizes de acne;
  • Em locais do corpo com estrias brancas ou vermelhas (vermelhas saem mais facilmente);
  • Em locais do corpo com cicatrizes atróficas ou hipertróficas.

Resumindo, várias partes do corpo com “imperfeições” estéticas podem ser ajustadas com o jato de plasma, no entanto o profissional dermatologista ou esteticista deve levar em conta todas as possíveis contraindicações ou efeitos colaterais possíveis de acordo com o estado atual e histórico de saúde do paciente.

Por isso é tão importante fazer esse ou qualquer outro procedimento estético com profissionais habilitados e especializados na técnica de sua preferência.

Contraindicações

Importante: Dentre as principais contraindicações existentes para o jato de plasma estão pessoas que possuem marca-passo, problemas cardíacos e também gestantes, por conta de uma possível intensidade da descarga elétrica do aparelho, que, mesmo mínima, pode oferecer riscos à saúde.

Preço do jato de plasma

Assim como a maioria dos procedimentos estéticos, o jato de plasma também é cobrado por sessões, em que o profissional que dirá quantas você deverá fazer de acordo com seu objetivo estético.

Em média, uma sessão de jato de plasma custa a partir de R$150 a R$200 reais. Problemas simples, como pequenas linhas de expressão e manchas de sol costumam melhorar logo na primeira sessão, e outras finalidades a partir de 2 sessões.

Antes e depois do jato de plasma

Os resultados começam a aparecer e serem percebidos a partir de 5 a 7 dias depois de que a técnica é feita na pele da pessoa. Do segundo ao quarto dia, em média, a pele fica com um aspecto de “queimada” ou meio que ressecada, e com o passar dos dias vai cicatrizando naturalmente com o estímulo da própria derme.

A partir da primeira semana já podem ser notados resultados como uma pele mais lisinha, sem manchas, mais firme e bem menos flácida. Para entender melhor, confira o antes e depois de clientes que tiveram suas peles renovadas dias depois do procedimento.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here