Virilha: Manchas, dores, depilação, pelos encravados e muito mais!

0
1347

Hoje falaremos de algumas das complicações mais comuns que acontecem na virilha, uma área sensível sujeita a fricção de roupas, suor, irritação com depilação e muitas outras condições que incomodam as pessoas.

Para saber como lidar com alguns desses problemas, preparamos as dicas a seguir:

Virilha

Virilha escura:

  1. O que pode ser virilha escura?

Segundo grande parte dos dermatologistas, virilhas escuras são causadas por variados fatores que irritam a pele e ativam um mecanismo de defesa que aumentam a produção de melanina local, principalmente nas peles mais morenas. São alguns exemplos:

  • Roupas ou calcinhas apertadas; calças ou shorts também muito apertados, principalmente se forem de tecidos que irritem a pele da pessoa, como alguma alergia;
  • Excesso de roupas em altas temperaturas, como calça jeans apertada em dias quentes; tal condição aumenta a quantidade de suor na área e ajuda na proliferação de bactérias e fungos que podem inflamar e escurecer a pele;
  • Pessoas com muitas dobrinhas nas pernas que sofrem assaduras na área, por conta de fricção de pele com pele ou tecido com pele;
  • Irritação por conta de lâminas ou também pele inflamada por conta de ceras e outros produtos.
  1. Como clarear virilha escura?

Os dermatologistas podem indicar uso de cremes e pomadas com ação clareadora, que tem poder de despigmentar a região gradualmente. Geralmente, contém ativos como uréia e ácido salicílico em concetrações ideais para clarear sem agredir a pele da virilha. Caso opte por fazer algum tratamento estético, você pode tentar:

  • Depilação  laser: Além de controlar a produção da melanina no local, diminui a força dos pelos com o tempo, destruindo-os desde a raiz, deixando-os mais ralos até impedir que cresçam novamente.
  • Peeling: Os ácidos usados nesse procedimento ajudam a eliminar células mortas, renovando camadas da pele e eliminando gradualmente as áreas pigmentadas mais escuras da virilha.
  • Fototerapia: Processo que usa irradiação eletromagnética para eliminar manchas; garante bons resultados de clareamento, não dói nem causa efeitos colaterais.

Dor na virilha:

  1. O que pode ser dor na virilha?

A dor na virilha acaba sendo uma condição comum em pessoas que praticam esportes e, principalmente, aqueles que exigem impacto e esforço do corpo, como tênis, corrida ou futebol. Não é um sintoma grave, por si só, podendo indicar apenas alguma falta de alongamento ou mau jeito, mas pode ser um início para algo mais grave, como:

  • Distensões musculares;
  • Hérnia inguinal ou abdominal;
  • Artrite;
  • Artrose.

Outras possibilidades:

  • A dor na virilha também pode acontecer no finalzinho da gravidez, quando as articulações do quadril ficam mais dilatadas pelo aumento da barriga;
  • Já nos homens, pode ser um sinal de torção testicular, que deve ser tratada para evitar mais dores;
  • Nos casos de dores seguidas de um pequeno caroço na região, pode ser sinal de algum fungo ou bactéria na área, podendo até ser uma doença sexualmente transmissível;
  • Ou no caso das mulheres, pode indicar cisto nos ovários;

Dependendo da duração da dor, se durar mais de um dia de dor intensa, é necessário correr para a emergência.

  1. Como tratar dor na virilha?

Em dores simples, por causa de mau jeito, falta de alongamento ou após um dia cansativo, apenas repouso e aplicação de gelo, se necessário, são recomendados. No máximo, caso a dor persista por algumas horas, analgésicos como Dipirona ajudam na desinflamação. Caso a dor demore mais de 1 dia inteiro, mesmo após os cuidados acima, vá ao médico, relate demais sintomas e faça o tratamento adequado para sua condição.

Pelos encravados na virilha:

O que pode ser pelos encravados?

Tendo como principal agravante a má depilação, é normal que os pelos engrossem abaixo da pele e cresça de forma desordenada.

No lugar do pelo, crescem bolinhas inflamadas e doloridas na virilha. E não é só a lâmina que causa encravamento não, através do atrito, como também a cera quente que inflama a pele e cria condições para os pelos ficarem encravados.

Como tirar pelos encravados?

Para tratar essas bolinhas na virilha, o médico pode recomendar alguma pomada que cuide da inflamação e acelere a cicatrização. Já os próximos cuidados serão para evitar que essa inflamação na virilha retorne a acontecer.

O ideal é trocar a lâmina ou cera por algum tipo de aparelho elétrico de arrancamento ou corte, sem afetar os folículos internos para não atrapalhar o crescimento do pelo. A depilação a laser, em no mínimo 10 sessões, também é uma solução para quem quer se livrar dos pelos e da irritação da pele a cada depilada.

Para outras opções de pelos encravados e inflamados por mais tempo, consulte o dermatologista e peça dicas e outros cuidados.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here