Óleo de coco: Como usar? Benefícios para cabelo, pele, saúde e mais!

0
205

O óleo de coco é um dos produtos naturais funcionais de melhor qualidade provenientes da natureza!

Seus benefícios para saúde, cabelo e pele são comprovados cientificamente e inclusive tem uso recomendado por parte dos médicos para os mais variados tratamentos. Saiba a seguir tudo sobre óleo de coco, como usar, onde comprar e muito mais.

Óleo de coco

Para que serve óleo de coco?

O óleo de coco é um extrato proveniente da fruta em si muito apreciado no universo da culinária e também aproveitado na medicina. Na cozinha, pode ser um excelente substituto dos óleos convencionais no preparo dos alimentos, como nas frituras ou saladas.

Para a nossa saúde, atua como um suplemento rico em ácidos graxos como o ômega 6, ômega 9 e outros importantes no controle do colesterol, além de vitaminas E e K e ferro na composição.

E para a estética, traz benefícios a cabelo e pele por conta de suas propriedades hidratantes, estando presentes em vários produtos como maquiagens, cremes e produtos para cabelo, além de seu estado puro em receitas caseiras.

Tipos de óleo de coco

Todos os tipos de óleo trazem consigo os benefícios à saúde e estética, mas você pode encontrá-lo no mercado em forma de produtos a partir de diferentes extrações:

– Óleo de coco extra virgem: É o óleo extraído da carne fresca do coco; passa por um pequeno processo de refinamento para se tornar mais usável.

– Óleo de coco da copra (natural): É o óleo em seu estado bruto, pouco ou nada refinado.

Benefícios do óleo de coco

  1. Para a saúde:

  • Melhora a imunidade do organismo;
  • Potente antibactericida, antifúngico e antiviral;
  • Rico em vitaminas lipossolúveis (A, D, E e K) que controlam o colesterol;
  • Efeito anti-inflamatório e antitrombótico;
  • Não tem contraindicações;
  • Não vira gordura trans quando usado em frituras, ao contrário de outros óleos;
  • Ajuda nos processos de emagrecimento porque acelera o metabolismo e aumenta a queima de gordura.
  1. Para o cabelo:

  • Suaviza cabelos secos imediatamente;
  • Penetra no centro da fibra capilar e não somente por fora;
  • Usado em tratamentos de hidratação e umectação;
  • Traz um toque de seda nos cabelos;
  • Faz uma selagem nas escamas dos fios rebeldes, evitando pontas duplas e frizz;
  • Traz mais brilho aos fios;
  • Quando usado no couro cabeludo, estimula a circulação sanguínea, o que melhora a oferta de nutrientes nos folículos capilares;
  • Combina com outros óleos também importantes nos cuidados capilares;
  • Indicado para todos os tipos de cabelos;
  • Suas propriedades antibacterianas previnem condições como caspas, inflamações e até piolhos;
  • Colabora para o crescimento capilar, pois oferece vitamina E, K e ferro ao couro cabeludo, que são elementos importantes no crescimento.
  1. Para a pele:

  • Poderoso hidratante que devolve a água necessária para a pele;
  • Traz maciez e viço para a pele;
  • Ideal para hidratar lábios rachados;
  • Combate microrganismos que podem causar doenças de pele, como acne, celulite, dermatites, eczemas, micoses, etc.
  • Tem ação anti-inflamatória e calmante então auxilia na cicatrização de feridas, queimaduras e outros machucados na pele;
  • Famoso por auxiliar em tratamentos de acne, exceto em quem tem pele muito oleosa;
  • Tipo de demaquilante natural que facilita na extração dos produtos usados;
  • Pode ser usado em receitas de esfoliantes naturais, oferecendo propriedades hidratantes simultaneamente;
  • Não deve ser usado como substituto de protetor solar, mas também auxilia na proteção da pele contra esses danos a partir do seu uso regular;
  • Tem proteínas que estimulam maior produção de colágeno na nossa pele, portanto tem efeito regenerador e antienvelhecimento;
  • Atua como repelente de insetos da pele em receitas naturais para esta finalidade.

Óleo de coco faz mal?

Mesmo o óleo de coco sendo um extrato tão benéfico, ele ainda é uma gordura saturada, portanto seu consumo como alimento deve ser com cautela para evitar alterações no organismo, como no colesterol.

Quanto ao seu uso em cabelo e pele, tudo depende das quantidades utilizadas e se a sua pele ou couro cabeludo podem lidar com o óleo de coco, afinal é um óleo e pode deixar ainda mais oleoso.

Sendo assim, o óleo de coco apenas faz mal ou não tratá benefício algum caso seja usado de maneira errada ou por quem não pode utilizar.

Óleo de coco é cicatrizante?

Sim, o óleo de coco é altamente cicatrizante, auxiliando na recuperação da pele em feridas, queimaduras, machucados, picadas de inseto e até danos causados pela acne.

Apenas evite o óleo de coco para esses tratamentos se a sua pele for oleosa; nesses casos, o ideal é usar produtos não oleoso contendo os ativos do coco.

Óleo de coco pode ser usado para crescer cabelo?

O óleo de coco contém substâncias benéficas para cuidar do couro cabeludo com propriedades antibacterianas, e isso ajuda muito quando o impedimento de um crescimento acelerado é causado por bactérias e fungos, por exemplo.

No entanto, o óleo em si não faz o cabelo crescer mais rápido, apenas adequa melhor o couro cabeludo, estimula a circulação sanguínea e pode motivar um crescimento mais acelerado, mas isso não é causa, e sim consequência. Evite usar o óleo de coco se tiver cabelos oleosos.

Para que serve óleo de coco em cápsula?

São cápsulas contendo a polpa do coco, com proteínas, minerais e óleos essenciais, importantes para a saúde. É uma forma prática de consumir o óleo no dia a dia, trazendo os mais variados benefícios, desde combate aos microrganismos a controle do colesterol.

O consumo indicado é de 2 a 4 cápsulas de 1g por dia, mas é importante consultar um médico antes para ter a dose indicada às suas necessidades de saúde.

Óleo de coco emagrece mesmo?

Mesmo sendo um óleo cheio de gordura saturada e altamente calórico, ele auxilia sim nos processos de emagrecimento.

Quando absorvido pelo organismo, o óleo de coco desperta suas propriedades que aceleram o metabolismo e geram energia para ser gasta em exercícios; além disso, proporciona maior sensação de saciedade, fazendo você ficar mais satisfeito por mais tempo e também comendo pouco.

Vale lembrar que uma dieta com óleo de coco, em forma de alimento ou suplemento, não será eficaz para o emagrecimento sem uma alimentação balanceada e exercícios físicos regulares. O metabolismo de cada pessoa influencia nos resultados também, é claro.

Como consumir óleo de coco?

– Para emagrecer, consumir 2 colheres de sopa de óleo de coco ou até 4 cápsulas do produto por dia. Sobre o óleo líquido, não precisa consumir puro, e sim em sucos, saladas, chás, etc.

 

– Para cozinhar, use o óleo para refogar, fazer arroz, frituras, grelhados ou ainda em receitas de bolos ou tortas; pode ser substituído nas mesmas quantidades de quando você usa outros óleos. Não consumir mais de 1 colher de sopa por dia.

Como usar óleo de coco?

– Para os cabelos, utilize em forma de máscaras caseiras para fazer hidratação. Importante usar sempre o óleo de coco extra virgem, 100% natural, e não aplicá-lo puro sobre os cabelos. Exemplos de máscaras caseiras de hidratação:

  1. 3 colheres de óleo de coco + 5 colheres de babosa + 2 colheres de mel;
  2. 3 colheres de óleo de coco + 1 banana + ½ abacate + 1 colher de maionese;
  3. 4 colheres de óleo de coco + 4 colheres de azeite.

– Para hidratar a pele, basta aplicar sobre a área a ser cuidada com um algodão; de preferência, deixe o óleo atuando sobre a pele durante a noite.

– Como demaquilante, basta aplicar sobre todo o rosto com um algodão e deixar agir por alguns minutos para a maquiagem amolecer; depois é só remover com um algodão limpo; se a pele ficar oleosa, lave bem com sabonete de limpeza facial.

Receitas “estranhas” com óleo de coco:

  1. Bicarbonato e óleo de coco nos dentes

Enquanto o bicarbonato possui efeito abrasivo sobre as manchas nos dentes, ele também ajuda a eliminar mau hálito; e o óleo de coco elimina bactérias e também auxilia no efeito clareador. Tente a receita a seguir:

Ingredientes:

  • 2 colheres de sopa de óleo de coco;
  • 3 colheres de bicarbonato de sódio

Como fazer:

Basta misturar as quantidades indicadas e armazenar num potinho. Quando for usar, coloque um pouco na sua escova de dentes e escove toda a boca, inclusive a língua. A sensação de limpeza será imediata. Use até 2 vezes por dia, reduzindo o uso quando obtiver os resultados de dentes mais brancos.

  1. Ovo e óleo de coco nos cabelos

A clara do ovo também é conhecida por ser uma bomba de nutrientes fortes para os nossos cabelos, então essa dupla, ainda que inesperada, promete mesmo cuidar dos fios, com uma pegada reconstrutora e hidratante. Tente a receita a seguir:

Ingredientes:

  • 1 clara de ovo;
  • 2 a 3 colheres de óleo de coco.

(As quantidades podem variar de acordo com o tamanho do seu cabelo).

Como fazer:

Misture bem os ingredientes e aplique a mistura sobre os fios secos. Utilize uma escova ou pente para espalhar bem tudo sobre seus cabelos e couro cabeludo. Faça um coque, cubra com touca de banho e deixe agir por pelo 30 minutos a 1 hora. Depois enxágue e lave como de costume. Evite lavar com água quente.

Onde comprar óleo de coco?

Óleo de coco puro pode ser comprado em supermercados, lojas de produtos naturais e também lojas de cosméticos; você encontra também o produto em forma de cápsulas em farmácias naturais ou de manipulação.

Preço do óleo de coco

O valor varia de acordo com a forma de apresentação do produto e quantidade no recipiente. O produto em cápsulas, por exemplo, varia de R$20 a R$50 reais por pote; já um pote com o produto líquido para receitas ou uso cosmético varia de R$30 a R$60 reais.

Encontre também em composições de shampoos, máscaras de tratamento, reparadores e demais produtos nos mais variados preços.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here